O R G A N I Z A Ç Ã O --------

boquilobo

sábado, 19 de maio de 2012

CAMINHADA ABERTA


CAMINHADA ABERTA

A secção de pedestrianismo do CLAC, Clube de Lazer Aventura e Competição, vai iniciar uma nova atividade de cariz social. CAMINHADA ABERTA. O que se pretende é aproximação do clube à população em geral, proporcionando um bem-estar físico e anímico de todos os participantes. Estas caminhadas abertas, desenrolam-se por caminhos e trilhos no campo ultrapassando as adversidades naturais e expondo-nos ao confronto com a natureza. Este exercício com a duração aproximada de aproximadamente 2 horas com propriedades eróbicas excelentes, beneficiando a saúde cardiovascular.

Espírito desta atividade:

Aberta a todas as idades e sexos.
Ausência de custos vs voluntariado.
Caminhar no meio da natureza e usufruir.
Fomentar a boa disposição, convívio e a entreajuda
O desporto para toda a família.
A saúde em primeiro lugar

O início da atividade está prevista para o mês de junho, todos os sábados às 9.horas, com a concentração junto ao estacionamento da piscina municipal do Entroncamento. A Caminhada tem a duração aproximada de 2h ou 2.30h, 7 a 8 km. Esta acabará sempre no local inicial.

Material necessário:
Pequena mochila, 1 lt de água, fruta e qualquer coisa doce.  Bastão ou não.      

Equipamento:
Calçado confortável, desportivo ou botas. Calças de treino e chapéu.

Vem e trás um amigo também

Jpimenta….


CAMINHAR – ATIVIDADE PARA TODOS

As pessoas costumam fazer caminhadas por várias razões. Para algumas é uma
atividade de lazer, de baixo custo e boa para o coração; para outras, é um
momento de socialização, uma oportunidade para conhecer pessoas com
interesses semelhantes.
Mas todos os que praticam caminhadas são atraídos pela infinita variedade e
beleza da terra envolvente e pelo libertar de tensões que esta experiência
proporciona, porque a caminhada pode ser um antídoto para tanta coisa que nos
assola no nosso modo de vida moderno e urbano.

"Caminhar permite uma maior proximidade à terra, um sentimento de
independência. O sólido bater das botas no carreiro significa ter a liberdade de
poder parar para admirar uma flor, andar ao seu próprio ritmo, tirar prazer da
travessia de um riacho por cima das alpondras algo arriscadas, explorar para lá
dos limites do percurso estabelecido para poder ver de perto as gotas de orvalho
a cintilar no verde campo."

As caminhadas são mais do que um exercício ou o poder ver a paisagem.
Começamos a ter respeito pelos valores da natureza: a simplicidade, o silêncio e
a solidão. Aprendemos que temos de depender mais de nós mesmos do que de
ajudas externas. Aprendemos que ao viver “no duro” damos mais valor ao que
temos. No fim de contas, aprendemos mais sobre nós próprios.

BENEFÍCIOS DA CAMINHADA

Qualquer observador de pássaros, de estrelas ou aventureiro sabe quais são os
prazeres inerentes à caminhada. Mas andar é mais do que um modo de
deslocação agradável, pode também melhorar a nossa condição física, saúde e
bem-estar mental.
Caminhar refresca a mente, reduz a fadiga e aumenta a energia. Mais de
metade dos músculos do corpo estão concebidos para a caminhada; é um
movimento natural que praticamente não acarreta riscos. Andar proporciona
momentos agradáveis para partilhar e socializar com os amigos e família.
Caminhar de forma regular e energeticamente pode reduzir os níveis elevados
de colesterol e melhorar a digestão e eliminação.

CAMINHAR ALIVIA O STRESS E A TENSÃO

Caminhar regularmente aumenta o número de calorias queimadas e ajuda a
sentirmo-nos bem com o nosso corpo. Juntamente com uma alimentação
equilibrada, caminhar ajuda-nos a manter um peso saudável e a ter uma
imagem positiva sobre o nosso corpo. Fazer caminhadas rápidas funciona como
uma actividade aeróbia, ou seja, aumenta a necessidade de oxigénio que o
corpo tem, exercitando o coração, os pulmões e os músculos de modo a
funcionarem mais eficazmente.

ONDE CAMINHAR

Comece perto de casa. Muitos centros urbanos começaram a desenvolver
percursos que ligam parques a outras zonas verdes. Mais tarde, comece a
procurar zonas protegidas ou parques regionais um pouco mais longe. A maioria
terá uma série de percursos dispostos em anéis que o levarão de volta ao carro
sem ter de percorrer o mesmo caminho ao contrário.
À medida que se vai aventurando mais longe, procure clubes de pedestrianismo
na sua zona. Estes clubes são grupos de voluntários que preparam e mantêm
percursos pedestres. Cada grupo organiza uma série de caminhadas e
passeios, assim como boletins informativos e actividades sociais.

Sem comentários:

Gardunha a noite

Pesquisar neste blogue