O R G A N I Z A Ç Ã O --------

boquilobo

segunda-feira, 3 de março de 2014

TRILHOS do ZÊZERE by CLAC

CAMINHADA MOLHADA É CAMINHADA ABENÇOADA

Cerca de uma centena de Caminheiros disseram presente a mais um evento organizado pelo CLAC (Clube Lazer Aventura e Competição) do Entroncamento, os “Trilhos do Zêzere” e partiram do Mercado Municipal de Pedrogão Pequeno rumo a uma aventura, molhada diga-se em abono da verdade, mas com paisagens deslumbrantes nas margens do rio Zêzere.
Ainda no início chegamos à aldeia do Painho uma pequena aldeia, que em tempos transactos devido a proximidade do rio foi uma aldeia de moleiros. Depois passando pelo túnel construído em 1918 para a construção de uma levada de água, até ao Moinho das Freiras local com uma paisagem única, onde se observa a Albufeira da Bouçã, lago verdejante onde tudo é tranquilo. 
O percurso seguiu pelo Trilho da Levada que nos levou até à Ponte Filipina construído entre 1607 e 1610 que, actualmente, é o cartão-de-visita de Pedrógão Pequeno, podemos desfrutar de vários miradouros, bem como, de zonas de descanso. O regresso foi efectuado ao longo da estrada romana, única via terrestre existente até 1954 para ligação das margens do rio Zêzere, ladeado de um património florestal rico em sobreiros que habitam nas magníficas escarpas de granito situadas junto da Ribeira dos Portoleiros.
Com beleza natural, alegria e muito convívio, esta caminhada foi um sucesso e pegando num provérbio bem português e adaptando à manhã/tarde que foi de chuva constante podemos afirmar “Caminhada molhada é caminhada abençoada”

Francisco Gavancho
FOTOS 1     FOTOS 2         VIDEO

Sem comentários:

Gardunha a noite

Pesquisar neste blogue